Tem uma coisa que se você não fizer, investidor nenhum vai te dar atenção: Investir seu próprio dinheiro na sua startup. Ou seja, colocar sua própria pele em jogo (skin in the game) é um fator-chave para qualquer investidor depositar confiança em você.

O termo Skin in the game está relacionado ao quanto o fundador tem a perder caso a empresa chegue no zero. E não estamos falando só de dinheiro investido diretamente, mas também de capacidade intelectual, tempo e salários perdidos.

Porquê isso é tão importante para os investidores?

Os investidores olham detalhadamente para os fundadores. Se você já tiver colocado dinheiro que é seu, da sua família ou até dos seus amigos em risco, você tende a ser mais resiliente e dedicado a transformar sua ideia em sucesso. Também comprova sua confiança em si mesmo e no seu produto.

“Por que eu investiria em você?”

Quando sua startup está nos estágios iniciais e você está buscando investimento, o motivo para eles colocarem dinheiro na sua startup é simples: Acreditam que com o dinheiro e a ajuda deles você será capaz de transformar sua ideia em uma grande empresa. Há algo em você, seus co-fundadores e sua ideia que os convenceram que você é capaz de trazer retorno para eles. Geralmente é um sentimento e não algo tangível que eles possam apontar o dedo. É Confiança.

Claro, para você se monstrar confiante você tem que saber o que está fazendo (ou ao menos parecer que sabe hahaha!). Por isso aqui está um vídeo para você se preparar, que fala sobre desafios que você vai enfrentar. É só clicar.

“Acho que agora não é o momento certo…”

Muitas startups falham depois de receber investimento. É no mínimo difícil acreditar que você terá a resiliência interna para alcançar o product/market fit se você não tiver gastado seu próprio tempo (e muito tempo), dinheiro, esforço e capacidade intelectual na sua startup. Se não tiver botado sua pele em jogo Então porque os investidores gastariam o tempo e dinheiro deles?

Por isso, é natural que você ouça coisas como: “estamos preocupados com a falta de receita” ou “você ainda não está no momento certo”. Muitas objeções vão aparecer e é provável que você se convença de que elas realmente importam. Mas a verdade não é essa. Você tem que focar nos investidores que te fazem perguntas. Se ele estiver te fazendo perguntas, é porque quer que você veja alguns pontos que possa não ter percebido. Se ele só estiver dando desculpas e apontando objeções em relação ao seu projeto, significa que ele não está interessado em gastar dinheiro com você.

A maior empresa de marketing do Brasil é fruto de skin in the game.

Pensando em um grande exemplo podemos citar o Eric Santos, fundador da Resultados Digitais. Ele resolveu abrir mão da sua estabilidade e conforto. Tinha uma empresa que atuava com prestação de serviços e já faturava. Tinha também um diploma de engenheiro, o que atraía ofertas de emprego com salários altos. Mas ele queria mais. Queria concentrar seus esforços e recursos em um modelo de negócios mais escalável, mesmo que significasse instabilidade. Queria skin in the game.

Eric e sua equipe trabalharam na Resultados Digitais durante seu primeiro ano inteiro sem receber salários. Hoje a RD é a maior empresa de software de automação de marketing digital do Brasil, atuando em diversos países, com dezenas de milhares de clientes, tendo recebido mais de 80 milhões em investimentos.

Comparando a trajetória de Eric com a de uma pessoa que nunca abriu mão e nem colocou sua pele em jogo para fazer sua startup crescer, qual você acha que está mais propício a receber a atenção dos investidores?

Como conquistar investidores:

  • Demonstrar comprometimento

“Se você não está se comprometendo, porque eu deveria me comprometer?” É exatamente isso que eles pensam. O empreendedor que não investe seus próprios recursos na sua startup gera um péssimo sinal para os investidores. 

  • Fazer parte da construção do sonho

Sua startup é o seu sonho. E hoje em dia você pode alcançar boa parte desse sonho com custo baixo. Entao dedique todos seus esforços para que você tenha cadastros, pré-vendas, ou até mesmo vendas, pois os investidores irão cobrar isso. Não simplesmente diga que você tem um sonho, seja capaz provar que você pode executá-lo e os investidores serão seus. 

  • Riscos menores

Risco é o oposto de garantia, e os investidores querem garantia de que você não vai abandone o barco quando as coisas estiverem difíceis. Muitas vezes os fundadores que já colocaram seu dinheiro, de seus familiares e dos seus amigos tendem a se preocupar mais em trazer retorno para eles do que para o investidor. Muitos investidores vão enxergar isso como um ponto positivo.

Portanto se você quer aumentar a chance de sucesso nas suas rodadas de investimento, comece você mesmo investindo em sua startup.

Aqui vai um vídeo que é um resumo de 30 segundos desse artigo:

  • […] última dica está diretamente relacionada ao Skin In The Game, que é o que TODO investidor busca em um founder de startup. Se você não sabe exatamente o que […]

  • […] suas entrevistas, “Nós estamos ombro a ombro com os empreendedores”. Eles são super skin in the game, trabalhando lado a lado com os empreendedores, e a Super{set} ainda traz experts em inteligência […]